LOGO 2 BLOG







Sindicato denuncia retirada de vigilantes das escolas

Mediante provável atitude do Governo do Estado da Bahia – que visa a demissão de 3.300 vigilantes atuantes em escolas estaduais já neste dia 1º de julho – a Associação Casa do Vigilante repudia este ato insensível e irreparável do governador Rui Costa.

Mesmo alegando cortes financeiros, é notório que a presença desses profissionais nas unidades escolares afugenta a criminalidade, garantindo a segurança de alunos e corpo docente, tornando-se imprescindível a necessidade desse investimento.

O plano do governador prevê esse tipo de segurança apenas para municípios com mais de 100 mil habitantes, o que corresponde a apenas 18 localidades de 417. Já especificamente com relação a Salvador - capital do Estado – os vigilantes serão substituídos por câmeras de segurança. Vale ressaltar, que esse tipo de equipamento não inibe a presença de criminosos e atos ilícitos dentro das escolas, sendo, inclusive, roubados e depredados.

Dessa forma a Associação Casa dos Vigilantes pede o apoio da imprensa e sociedade civil para conscientizar a população da necessidade de que seja garantida a segurança de alunos e professores nas escolas do Estado da Bahia. (Bahia Já)

Comente com o Facebook:

Postar um comentário

0 Comentários