LOGO 2 BLOG






Durante protesto, professores de Ruy Barbosa vão parar no hospital após serem atingidos por spray de pimenta

Professores foram levados para unidade de saúde após "passarem mal" - 

Os professores do município de Ruy Barbosa, centro-norte da Bahia, acusam a Guarda Municipal da cidade de lançar spray de pimenta na categoria.


A classe compareceu na sessão da Câmara de Municipal para se manifestar contra a aprovação da PL 06/22 que reajusta os vencimentos salariais dos professores e retira, de acordo com a categoria, direitos adquiridos sem anuência dos mesmos.


De acordo com os professores, todos foram surpreendidos com o encerramento da sessão pelo presidente da Casa, Geovan de Jesus Santos, conhecido como "Lulu". Os professores decidiram permanecer no plenário, como forma de protesto. De acordo com eles, a partir daí a Guarda Municipal foi chamada. Vídeos que circularam na região mostraram professores sendo levados para unidades de saúde.

A corporação, por meio de nota, negou o uso de gás de spray de pimenta ou qualquer outra substância química contra os manifestantes, "apesar da desordem e desrespeito continuo por parte dos manifestantes, após o termino da sessão", diz um trecho do comunicado.

A greve dos profissionais em educação da rede municipal da cidade de Ruy Barbosa teve início na última quinta-feira, 5, e na sexta feira, 6, os professores fizeram um cortejo fúnebre pelas ruas da cidade para "simbolizar o enterro da educação".

Comente com o Facebook:

Postar um comentário

0 Comentários