LOGO 2 BLOG






Homem chama PM para reclamar de ‘cerveja que não faz efeito’ e é preso



Um homem foi preso no Rio de Janeiro após chamar a PM e queixar-se de uma suposta fraude. Segundo ele, um estabelecimento da Lapa, bairro boêmio na região central do Rio, havia lhe servido uma "cerveja que não fazia efeito". De acordo com o jornal Extra, desconfiados do comportamento do homem, os policiais militares conduziram o suspeito à 5ª DP (Mem de Sá), onde ficou constatado seu histórico de crimes. A maior parte dos delitos cometidos por Mário corresponde ao artigo 176 do Código Penal, que trata do popular "calote" - ou, como consta na lei, "tomar refeição em restaurante, alojar-se em hotel ou utilizar-se de meio de transporte sem dispor de recursos para efetuar o pagamento". Na delegacia, gerentes e garçons de bares na Lapa já estavam registrando ocorrência contra Mário, pelo mesmo motivo. Ao ser confrontado com as vítimas, Mário descontrolou-se e começou a depredar a delegacia. Antes de ser autuado por estelionato e dano, ele chegou a danificar computadores e a porta da unidade. (Bahia Noticias).

Comente com o Facebook:

Postar um comentário

0 Comentários