LOGO 2 BLOG







Caso Ana Hickmann: Ministério Público denuncia cunhado por homicídio do fã agressor




O Ministério Público de Minas Gerais entregou na tarde desta quinta-feira (7) à Justiça denúncia contra Gustavo Correa, cunhado da apresentadora Ana Hickmann, por homicídio.

A medida é contrária à decisão da Polícia Civil que pediu o arquivamento do processo pelo reconhecimento de legítima defesa. A apresentadora Ana Hickmann sofreu um atentado por um “fã” em Belo Horizonte, no dia 21 de maio.

O crime aconteceu dentro de um hotel no bairro Belvedere, Região Centro-Sul da cidade. Gustavo Correa matou Rodrigo Augusto de Pádua após este atirar contra sua mulher, Giovana Oliveira, assessora da apresentadora. O Tribunal de Justiça de Minas Gerais vai decidir se aceita ou não a denúndia feita pelo promotor Francisco Santiago. O advogado de Gustavo Correa, Maurício Benfica, disse que não vai se manifestar por não ter ciência do teor da denúncia. Para ele, o caso trata-se “obviamente” de legítima defesa.

De acordo com o inquérito, Rodrigo, de 30 anos, rendeu com um revólver a apresentadora, sua cunhada, Giovana Oliveira, e o marido de Giovana, Gustavo Correa, que é irmão do marido de Ana Hickmann. Em uma luta corporal, Gustavo matou Rodrigo dentro de um dos quartos de hotel, após o “fã” balear Giovana. Segundo o delegado Flávio Grossi, responsável pelo caso, o tiro contra a cunhada era para a apresentadora. Nem Ana Hickamnn nem o cunhado se feriram.

Comente com o Facebook:

Postar um comentário

0 Comentários