LOGO 2 BLOG






Chapada Diamantina - Açude transborda, estrada é interditada e famílias ficam desalojadas por causa da forte chuva

 Em Itaberaba, prefeitura contabilizou 600 famílias desalojadas. Prejuízos foram também registrados nas cidades de Mugugê e Santaluz.

Cidades do interior da Bahia registram desabrigados e prejuízos de infraestrutura após fortes chuvas. Em Itaberaba, na Chapada Diamantina, a prefeitura contabilizou 600 famílias desalojadas.

Foram 300mm de chuva entre sábado (6) e a madrugada de segunda (8), um volume previsto para seis meses, conforme aponta a prefeitura. Ainda na Chapada Diamantina, só que na cidade de Mucugê, segundo Centro Nacional de Monitoramento e Alertas de Desastres Naturais (Cemaden) foram mais de 50 mm em duas horas na terça-feira (9).

A estrada que liga Mucugê ao povoado Guiné foi tomada pela água e precisou ser interditada na manhã de terça. No fim da tarde, a chuva estiou e a água escoou. Nesta quarta-feira (10) a chance de chuva na cidade é de 40%. No município, a temperatura varia entre 17ºC e 28ºC, conforme aponta o Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet).

Prejuízos em Itaberaba


Além dos alagamentos nas ruas, a chuva forte danificou estradas, buracos se formaram na via, telhados de casas caíram, muros desabaram e muitas casas foram invadidas pela água.

"Choveu além do esperado. A prefeitura está na rua desde a noite de sábado para acompanhar as famílias", disse o secretário de infraestrutura de Itaberaba, Evandro Novaes.

Por causa dos estragos causados, o prefeito de Itaberaba, Ricardo Mascarenhas, anunciou que será decretado estado de calamidade no município.

A situação de emergência, por causa da chuva, foi reconhecida em quatro municípios baianos Itaquara, Maragogipe, Jaguaquara e Ruy Barbosa. Ainda aguardam reconhecimento do decreto, os municípios de Maiquinique, Valença e Itaberaba.

Fonte: G1 Bahia

Comente com o Facebook:

Postar um comentário

0 Comentários