LOGO 2 BLOG






Auxílio Gás: Veja quem tem direito ao benefício



O Auxílio vale gás nacional foi aprovado na câmara, cujo programa será destinado a famílias de baixa renda de todo país, com previsão de duração de 5 anos.

Por causa da alta inflação em decorrência da pandemia do covid-19, o Governo Federal pretende pagar o Vale gás em todo território nacional. O referido auxílio terá como intuito auxiliar financeiramente, famílias de baixa renda em vulnerabilidade na compra do botijão de gás de 13 kg, produto cujo preço sofreu grande aumento.

O projeto também incluiu outro grupo de beneficiários, neste caso quem faz parte do Benefício de Prestação Continuada (BPC)., ação promovida pelo Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) para quem é idoso ou pessoa com deficiência (PcD) em situação de vulnerabilidade.

O projeto de lei que institui o programa já passou por aprovação no Senado Federal e na Câmara dos Deputados, e seguirá para sanção do presidente da república para ser definitivamente liberado.

De acordo com informações do Governo Federal, o vale gás será disponibilizado em todas as regiões do país.

Valor do Auxílio Gás

De acordo com o projeto, a ideia é pagar o vale gás no valor equivalente a 50% do preço do botijão de 13 kg.

Dessa forma, a quantia concedida no benefício irá variar conforme o valor onde o produto está sendo comercializado, ou seja, de acordo com o preço do botijão no local em que a família contemplada reside.

Quem tem direito ao vale gás?

O auxílio para compra do botijão de gás será concedido às famílias de baixa renda inscritas no Cadastro único. Quem ainda não possui o CadÚnico deverá ir a alguma unidade do Centro de Referência de Assistência Social (CRAS).

Para ser contemplado pelo vale gás é preciso que cidadão se enquadre nas seguintes condições:

  • Possuir renda familiar de até meio-salário mínimo (R$ 550 em 2021) por cabeça;
  • Estar com o cadastro no Cadúnico devidamente atualizado;
  • Ser contemplado pelo Benefício de Prestação Continuada (BPC).
  • Dea cordo com o governo, mulheres chefes de família terão preferência no pagamento do benefício.


Comente com o Facebook:

Postar um comentário

0 Comentários